Atendimento: (11) 4780-4050

Depilação Oncológica

Um dos efeitos colaterais mais comuns da quimioterapia é o comprometimento da imunidade. Algumas drogas ou combinações apresentam maior risco de neutropenia que outras. Normalmente, a imunidade diminui após 1 semana da quimioterapia e pode demorar de 2 a 4 semanas para se recuperar. O período em que o paciente apresenta a menor contagem de leucócitos no sangue é denominado nadir. É por esse motivo que durante o tratamento é recomendado tomar cuidado com qualquer procedimento que cause abrasões na pele como a depilação, pelo risco de infecções. Quando a infecção acomete o lado que foi operado, aumenta-se o risco de desencadear linfedema no membro acometido.

Apesar de alguns quimioterápicos causarem queda dos pelos, muitos pacientes ainda mantêm os das axilas, regiões genitais, pernas e barba. Com frequência aquelas que enfrentam o tratamento manifestam o desejo de depilar os pelos durante a quimioterapia, tanto por motivos estéticos quanto psicológicos, para melhora da autoestima. Em relação a esse tema, os profissionais de saúde recomendam não realizar a depilação pelo risco de infecção, porém muitos pacientes acabam fazendo o procedimento sem o devido cuidado. A infecção bacteriana da pele e tecido subcutâneo, chamada de celulite infecciosa, é a complicação mais temida e é predisposta por pequenos traumas na pele.

Pacientes em uso crônico de corticoides podem apresentar afilamento de pele, o que durante a depilação com cera pode causar lesões cutâneas e abrir portas de entrada para infecções. A depilação com lâmina também tem o risco de causar cortes na pele com qualquer descuido. Também não é recomendado depilar com lâmina na área submetida a cirurgia devido ao risco de infecção e de linfedema. Cremes depilatórios podem causar irritação na pele devido aos componentes químicos presentes na fórmula. A depilação a laser pode causar queimaduras e irritações na pele.

As técnicas mais seguras para os pacientes com câncer em vigência de quimioterapia é a depilação com barbeador elétrico ou depilação com linha também conhecida por threading, porém são métodos menos duradouros. A fotodepilação com Luz Intensa Pulsada ou IPL tem sido descrita como método menos agressivo, menos doloroso e com menor risco de queimaduras e irritação na pele, podendo ser um método atrativo para se obter efeito duradouro.

Veja mais:

Saiba Mais

Insira seus dados abaixo para entrarmos em contato com você:


 

Instagram @neolifebemestar

Contato

Rua Dr. Amâncio de Carvalho, 182 Cj. 106 e 107 Vila Mariana, São Paulo - SP

(11) 4780-4050

contato@neolifebemestar.com.br




© 2019 Copyright - Todos os direitos reservados "Mogicomp Soluções Web"